• Os trabalhos realizados em postes por empregados das empresas distribuição de energia elétrica, de telecomunicações e de TV a cabo, executados em postes em regime de compartilhamento, constituem atividades de risco. Uma das maiores causas de acidente é conseqüência de choque elétrico, seguido de queda em altura.  Por esse motivo, eles requerem a utilização de novas técnicas que incluam um sistema seguro de ancoragem da escada, a subida, descida e posicionamento no trabalho do trabalhador com segurança e a instalação de uma linha de vida de backup.
  • Ao mesmo tempo, é necessário prever a necessidade de resgate do trabalhador em caso de mal súbito.
  • Um trabalho seguro em escadas requer as seguintes condições:
 
- A utilização de escadas resistentes às situações de queda e resgate
- A implantação de um sistema confiável de amarração das escadas
- O uso de cintos de segurança tipo pára-quedista, de capacete, luvas, trava queda e de talabarte de posicionamento
- A instalação de uma linha de vida
- Um sistema de resgata pré-estabelecido
- Capacitação periódica dos trabalhadores envolvidos.